quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Notas curiosas do Manual do Proprietário

Meu fusca veio com uma raridade: o Manual do Proprietário. E, aos poucos, vou escrever algumas notas curiosas que ele apresenta.

 Segue a primeira:

Muito cuidado!
Quando você der a partida com o veículo dentro da garagem, certifique-se de que portas e janelas da mesma estejam abertas, assegurando suficiente arejamento e saída rápida dos gases de escapamento.
Nunca é demais lembrar que tais gases contêm monóxido de carbono, incolor e inodoro, mas extremamente venenoso.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Curtição

Esses dias, meu fusca tava na banda e encontrou um amigo. Eles pararam pra um bate-papo breve que você confere aí... A conversa não foi adiante porque meu fusca é interesseiro, começou a reparar no outro sedan e não curtiu a pira. O meu besouro disse:

- Aí, brow, não curti esse teu retrovisor do lado direito e nem esses bancos com encosto. Vô continua na minha banda...

E saiu:

- Frrr... frrr... frrr..


Mais alguém aí tá se perguntando se eu tava sem assunto?

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Lista de Presentes II

Quem for pra Imaginarium, faça o favor de comprar esse pendrive bacanérrimo e me presentear!

Pendrive em forma de fusca, com capacidade de 1 Giga. Moderno, colorido e divertido, acende os faróis  quando é ligado ao computador. Em duas cores, vermelho e azul, traz bom-humor e irreverência a um objeto hoje indispensável no dia-a-dia. Capacidade: 1 GIGA (cabo de extensão USB). Licenciado pela VW.

Compra aqui.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Podia ser pior...

Com a baita chuva que faz essa semana, vinha eu, hoje de manhã, ao trabalho com meu Fusca. A temperatura era 12°C, e eu tava quentinha dentro do sedan... Aí, os vidros começaram a embaçar -  mais a chuva - eu mal enxergava. Muito ruim, mesmo! É claro que eu não tinha toalha pra desembaçar os vidros, né!? Aí, beleza. Solução? Abrir um pouco de cada vidro. 12ºC com um ventinho é uma ma-ra-vi-lha! Eu tava braba... Já com aquele pensamento estúpido de trocar o Fusca por qualquer porcaria 1.0 e blá, blá, blá... Até que, no meio do caminho, encontro um Chevete... Não tinha pista dupla e ele ficou empatando,. Quando abriu a 3ª faixa, ele deu espaço... Eu perdi o embalo, mas consegui ultrapassar... Atrás do chevete, tinha um adesivo: A pé é pior! Então, pensei: De Chevete é que é pior! Eu tenho um Fusca, man!

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ No meu Fusca

Galera, esse som bateu na trave... A letra tá bem parecida com a história do meu fusca.

Meu fusca é 78 (exato!)
O rádio faz falta (pra quem trabalha em rádio e com música, ainda mais!)
Os faróis não acendem [  ] (só tão desregulados, a luz alta vai lááááá em cima)
Meu fusca é vermelho (no papel diz vermelho, mas eu digo que é bordô)
Escapamento esburacado  [  ]
Vejo tudo embaçado  [  ] (é, só mesmo em dia de chuva...)
A porta tá quebrada  [  ] (nem um pouco, as portas fecham como portas de geladeira)

A gravação da música é ruim, mas dá pra ouvir aqui

No Meu Fusca | Os Mastodontes



No meu carro vermelho eu vou
Num Fusca 78 eu vou
Com a porta quebrada que não dá pra arrumar
Com a porta quebrada que deixa o vento entrar (no meu Fusca).

Num Fusca vermelho eu vou voar
Lá na estrada bem longe do mar
Eu só vou parar se gasolina acabar
E torço pro motor não afogar (no meu Fusca).

Os faróis já não acendem mais
E no rádio a falta que me faz
Eu olho pra trás e vejo tudo embaçado
E vejo o escapamento esburacado.

No meu carro vermelho eu vou
Num Fusca 78 eu vou
Com a porta quebrada que não dá pra arrumar
Com a porta quebrada que deixa o vento entrar (no meu Fusca).

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Dias de Chuva

A chuva lava a alma, a lataria, o rádio, o tapete...


É, o rádio foi pro saco (e faz um tempo!), mas tudo bem, pois não era original...

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Kombi também é fusca

Kombis retrôs | O site VintageBus mostra modelos customizados do mais famoso utilitário da VW de 1949 a 1967


A Revista Trip deu uma notinha bacana no site. Eles divulgam o portal VintageBus, que se dedica a ser o portal definitivo dos modelos de Kombis (também chamadas de Split-Window Bus, Splittie, Split, Microbus, Micro, Samba e Transporters) fabricadas de 1949 a 1967.

O Vintage Bus não tem uma formatação muito agradável, mas vale conferir as imagens que estão lá.

Leia mais na Trip ou vá direto pro VintageBus.

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ Vou de Fusca

Tá, eu prometi que não ia mais postar música ruim... mas a pesquisa tá ficando mais restrita e só têm mais algumas músicas pra finalizar... O pior: ainda não encontrei uma que feche com meu sedan. Mas tô tendo uma ideia, aí... Aguardem!



Vou de Fusca | Daniel

Eu vou a pé eu vou de fusca
Eu vou em busca de um amor
Eu vou a pé vou de fusca
Aonde tem amor eu vou
Eu vou a pé vou de fusca
Eu tô na sede, eu tô na busca
Eu vou a pé eu vou de fusca
Eu tô a fim de um grande amor
Eu não sou dono do tempo
Não sou dono da verdade
Eu quero viver agora
Essa tal felicidade
Eu quero um amor no peito
Não quero ficar de fora
Não vou mais sentir saudade
Nem chegar fora de hora
Do tamanho do meu sonho
Eu quero a felicidade
Sem mentira só verdade
Sem lugar pra ter saudade
Vou chegar de tanque cheio
Com amor no coração
Vou a pé eu vou de fusca
Pra viver essa paixão

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Ilustra

Estava googleando atrás de umas ilustras reservas de fuscas pra postar aqui no blog. Como sou jornalista, fui cautelosa em observar se havia créditos. Então, encontrei o blog Rabisqueira do desenhista, ilustrador, quadrinista, caricaturista, animador, rabiscador de plantão e estudante de Artes Visuais na UFMG, Luhan Dias.

Segundo o autor do blog, o Fusca foi o tema escolhido pra um trabalho de graduação que contaria com 20 ilustrações. “Toda rua que olhava tinha pelo menos um fusca estacionado, sempre gostei da forma com que ele transita entre o brega e cult, e principalmente, eu era proprietário de um charmoso fusquinha branco meio bege que dava tiros pela rua”, escreve.

Arte de Luhan Dias
Clica aqui e veja mais fuscas desenhados por ele.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ Capô de Fusca

Aproveito a semana pra queimar de vez o bom gosto musical e rodar essa músicas muito, muito feias... E sério, daqui pra frente, ficamos combinados que só vou postar músicas que falem sobre fuscas e que não machuquem o ouvido e o possante de ninguém. "Cãozinho dos teclados" que vá pro inferno e que não vá de fusca, não!

Capô de Fusca | Frank Aguiar



Comprei um fusca com o motor arriado
O chassi todo quebrado
Um tal de "pois é" sem portas
Mandei pintar, guaribei ele todinho
Ficou daquele jeitinho
Que a mulherada gosta

Fim de semana por aí na bagaceira
Perdido na rasgadeira
Acordei no pé de um muro

Daquele jeito com uma gatinha do lado
Com um shortinho colado
Mostrando o capô de fusca

Onde tiver forró, capô de fusca
Se rolar cerveja vem, capô de fusca
Gosto de um capô de fusca todo ajeitado
Um capô de fusca desses
Quem é que não é chegado

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

66666

Meu fusca querido completou hoje 66666 km rodados. Não lembro quantos quilômetros tinha quando eu comprei, mas ela já tinha virado os 99999.
Reparem no marcador da gasolina... até parece que tá sempre cheio!

Lista de Presentes

Taí uma sugestão pra me presentearem: o Almanaque do Fusca. Eu posso esperar até o Natal.
Título: Almanaque do Fusca
Autor: Fabio de Souza Kataoka, Portuga Tavares
Editora: Ediouro

É um livro sobre a história do Fusca, mas fala também dos outros carros que utilizaram a mesma plataforma, mecânica ou foram criados com o surgimento da grande indústria de automóveis iniciada no país com o seu sucesso. Aqui você conhecerá as histórias da Kombi, Gurgel, Miura, Bianco, TL, SP2, Daicon, Puma, Baja, Karman Ghia, Brasília, Variant, Jaguar e, claro, toda a história paralela do Fusca, seus modelos diversos, sua influência no cinema, na economia, na arte, na moda, na cultura pop, enfim, tudo o que foi criado a partir deste modelo que já passou por mais de 90.000 alterações e mantém o mesmo design original, tão ou mais marcante que o de uma garrafa da coca-cola, e que ainda hoje é responsável por recordes, como o de quilometragem, de tempo de fabricação, de maior produção mundial que há dez anos representava 30% da frota de carros no país e já foi preferido por 83% dos brasileiros.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ No Meu Fusquinha Não

Sério. Quem conhece meu gosto musical não vai acreditar que eu fiz esse post. Mas a proposta é mostrar música de fusca, né. Então, vamos mandar o terror!!! Que tal o rolo de bateria? Hã?

No Meu Fusquinha Não | Romildo Gabriel o Alagoano do Forró



No meu fusquinha não,
No meu fusquinha não, (bís)
Hoje no meu fusquinha,
Você nem encosta a mão.

Quando eu vivia a te paquerar,
Bola nenhuma você quís me dar,
Eu era um pobrezinho,
Que só andava a pé,
Até que um dia o meu fusquinha,
Consegui comprar.

Sai com o meu fusquinha,
Para passear,
Depois dei umas voltinhas,
Para paquerar,
Veja como tudo hoje é diferente,
Até quem não me queria,
No meu fusquinha está querendo andar.

Refrão (é aqui, gente, que entra aquele rolo, com o som dos tons muito original! oh, god!)

O meu fusquinha é todo bonitinho,
Tem rodas importadas,
Um som de arrebentar,
Quando saio com ele,
Para uma balada,
Toda mulherada quer me namorar.

Hoje essa mulherda,
Não me enrolar,
Isso é puro interesse,
Eu posso provar,
Quando não tinha fusquinha,
Ninguém me queria,
Na verdade todas querem,
É entrar no meu fusquinha,
Para passear.

Ainda não acredito que promovi esse tipo de coisa...

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Carro maquiado

O post de hoje é para todas as mulheres motoristas e - sim! - corajosas. A Car Lashes lançou cílios postiços para faróis de carros. Passa pela minha cabeça que a Volks já havia tido esta ideia, um pouco mais bruta, mas comparável:


Os cílios são presos com fita dupla face específica para automóveis. A mesma fita que tem sido usada há anos para anexar guarnição exterior em carros. Então, seu fusca usaria?

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ Se o Meu Fusca Falasse

Mazah! Não sabia da existência dessa versão que Os Incríveis haviam feito para o Herbie! Não foi fácil encontrar o áudio, mas eu não ia parar até não ouvir! Claro que gamei, né! Curtam aí:

Se o Meu Fusca Falasse | Os Incríveis



Herbie era um Fusca muito abandonado
Que tinha mente e o coração apaixonado
Um dia triste parou lá na minha calçada
O guarda e o dono acharam minha história mal contada
Não seria assim se o meu Fusca falasse
Se veio à mim, é porque
Só queria que eu o comprasse
Não fui ladrão, não, não, não, não,
É que seu coração, seu coração, era meu, meu, meu, meu, meu

Tennessee era mecânico experiente
Examinou Herbie, coloquei 53 e fui em frente
Corredor eu sou e o pânico entrou na lista
Herbie ficou alegre porque vencia o antigo dono na pista
Seria legal se o meu Fusca falasse
O nosso rival ia ter arrepio se escutasse
Não fui ladrão, não, não, não, não,
É que seu coração, seu coração, era meu, meu, meu, meu, meu

Acumulei vitórias no segundo colocado
Sempre aquele antigo dono do meu Fusca envenenado
Tennessee distraiu-se, ele chegou, destampou, despejou no carburador
Creme de chantilly, o Fusca tossiu, arrotou e pela pista cambaleou
A boneca, secretária, abandona nosso rival
Gostou de mim e percebe, emfim, que ele fora um homem mau
Compro mais um carro, Herbie tenta suicídio na ponte
Corro atrás e salvo, quando o guarda surge no horizonte
Não seria assim se o meu Fusca falasse
Não quis ser ruim só pensei que o meu Herbie não mais ganhasse
Não tinha razão não, não, não, não,
Sempre meu coração, meu coração, será seu, seu, seu, seu, seu

Reconquistei outra vez o amor do meu Fusca
Entrei no Golden Suíte State da vitória, fui em busca
Herbie sabia que devia ganhar
Chegou partido pela metade no primeiro e no terceiro lugar
Depois da vitória, Herbie ganhou presentes
Pneus, peças, molas e os beijos da gente
Tennessee enfeitou nosso Fusca valente
Ganhei o amor da boneca e fiquei contente
A lua-de-mel vai ser como no céu e...
Meu coração, meu coração, é deles, deles, deles, deles dois
É deles, deles, deles, deles dois...
É deles, deles, deles, deles dois...
É deles, deles, deles, deles dois...

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Reunião de Fuscas

Que é que é? Tu não conversa com teu carro? Então compra um fusca. No mínimo, ele vai te fazer refletir...



Saiu ontem no RODAR, blog assinado pelo jornalista Fabiano Finco, do Pioneiro, que vai ter - o que eu resolvi chamar de - reunião de fuscas. Os beetles e outros refrigerados a ar, se encontram pra um bate-papo, na praça de alimentação do Martcenter Shopping, em Caxias do Sul, até domingo, dia 12. Doze carros antigos integram a exposição organizada pelo Caxias Fusca Clube. Acessa o RODAR para mais informações.

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ 74 Verde

Na carona do fuscão da Rosi, o som de hoje é sobre um fusca verde. Infelizmente não encontei nem vídeo, nem mp3, segue a letra:

74 Verde | Dread Roots

To sentado sem dinheiro
Não posso sair
As minhas notas estão vermelhas
Não posso me divertir
Papai falou
Que eu tenho que melhorar
Vou pegar meu fusca verde e vou pra Lumiar

Bar do Vovô
Um forró eu vou dançar
Cachoeira Indiana Jones
Eu vou me banhar
Daí então
Vou pegar a Serra-Mar
Com a molecada lá no Sana
Um reggae eu vou tocar

Mas isso tudo
Não tem graça sem você
É verdade
Não consigo te esquecer
Estou sozinho
Com meu violão
Olho pro lado
E só vejo meu fuscão

Verde (5x) como a cor dos seus olhos
Estou morrendo de paixão
Verde (5x) como a cor dos seus olhos
Lindos como meu fuscão

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Família Fusca

Como eu comentei aqui. Vou apresentar o já famoso fuscão da Rosi. O verdão já tá conhecido, deu entrevista pro Pioneiro, dia 7 de agosto, que foi republicada na Zero Hora, dia 12 de agosto. Republico aqui o texto reeditado, da Zero, como foto do Porthus Junior. Conheçam a família Fusca, digo, Marcon.

COMPORTAMENTO | Paixão em Família
FOTO | Porthus Junior
 A família Marcon, de Flores da Cunha, é a prova de que o ditado popular “filho de peixe, peixinho é” realmente faz sentido. Apreciador de carros antigos, o caminhoneiro Eugenio, 54 anos, influenciou os filhos Rodrigo, 30, e Rosicler, 23. Hoje, os três são donos de fuscas.

– É o Marcon Fusca Clube. Os carros já são membros da família– diverte-se Rosi.

Apesar de grandes conhecedores de tudo que envolve fuscas, os homens da casa só tiram suas relíquias da garagem de vez em quando, pois usam outro carro no dia-a-dia. A caçula Rosi, no entanto, leva seu Fusca verde ano 1972 para todos os lugares.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ Fusca 69

Jésuis! Que ligação tem o Fusca 69 com essa música!? Hahaha... O reggaezinho até que tá bacana... Mas sabe o que eu acho? Os caras tavam a fim de colocar o fusca no clipe e jogaram "Fusca 69" na letra... Só Deus pode explicar, isso sim. Hehehehehe...

Fusca 69 | Cia. de Jesus



Doutor se avexe
Que o povo do agreste
Reclama da peste
Que comeu o verde
E bebeu, toda água de lá
E o pai de família
De vida sofrida
Com filhos e filhas
E uma dor de amargar
Tem que ir pra
Cidade grande se virar.

Só Deus pode mudar esse país de vez só Deus
( Bis )
Pra que polícia
Pra que perícia
Se eu não fiz graça nem arruaça
E o fusca 69 ali parado é meu
Sou um cara de bem
Não bati nesse trem
Não bati em ninguém
E ninguém me bateu
E esse guarda mesmo assim me prendeu.

E o tal arrastão
Que na segunda feira
Te abala a moral
E o trocado da feira
Te deixa com cara de bôbo
E você nem reclama
Mas reclamar pra quem
Se não ficou ninguém
Se até mesmo calado
Você está errado
E o cara da televisão
Insiste que você é o culpado.

Só Deus ...

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Arquivo

Segue uma bela foto de um fusca da família. O fusca é um 1968, que pertencia ao meu pai. Apesar da cor do beetle parecer verde, meu pai garante que ele era azul. O fusca foi comprado novinho em 1968 e ficou com a minha família só até 1970. A foto abaixo é de uma viagem de férias ao litoral gaúcho, ainda antes de meus pais casarem.

Da esq. para dir., minha tia Eliana, minha tia-avó Têre, e minha mãe, Erica.

Minha mãe, que é professora aposentada, contou que quando meu pai vendeu o sedan e ela lecionava em Caxias, ela fazia um caminho maior pra voltar pra casa só pra passar pela casa onde estava o fusca e matar a saudade do carro com que aprendeu a dirigir. Ai, que bonito!
Meu pai e minha mãe. As fotos foram tiradas no terreno da família Matana, em São Cristóvão.

Não mais inusitado...


Eita lá! Não é o que 'cês tão pensando, não. Adivinha qual Volkswagen ficou sem gasolina ontem à noite??? Pois é. O sedan 1978 da Shamila. As garrafas das marvadas me salvaram... Tem quem acredita que elas têm esse poder, sei lá. Dessa vez, nem cheguei a sair do estacionamento. Menos mal. Menos Perigo.

quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Som de Fusca ♪ Fuscão Preto

Depois de Fusca Azul, pra me redimir, vou com uma clássica. Vale dar o play e ouvir o belo ronco no início da música.

Fuscão Preto | Almir Rogério



Me disseram que ela foi vista com outro
Num fuscão preto pela cidade a rodar

Bem vestida igual à dama da noite
Cheirando a álcool e fumando sem parar

Meu Deus do céu, diga que isso é mentira
Se for verdade esclareça por favor
Daí a pouco eu mesmo vi o fuscão
E os dois juntos se desmanchando de amor

Fuscão preto você é feito de aço
Fez o meu peito em pedaço
E também aprendeu matar

Fuscão preto com o seu ronco maldito
Meu castelo tão bonito
Você fez desmoronar...

Me disseram que ela foi vista com outro
Num fuscão preto pela cidade a rodar

Bem vestida igual à dama da noite
Cheirando a álcool e fumando sem parar

Meu Deus do céu, diga que isso é mentira
Se for verdade esclareça por favor
Daí a pouco eu mesmo vi o fuscão
E os dois juntos se desmanchando de amor

Fuscão preto você é feito de aço
Fez o meu peito em pedaço
E também aprendeu matar

Fuscão preto com o seu ronco maldito
Meu castelo tão bonito
Você fez desmoronar...

Fuscão preto você é feito de aço
Fez o meu peito em pedaço
E também aprendeu matar

Fuscão preto com o seu ronco maldito
Meu castelo tão bonito
Você fez desmoronar...

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Frases Lapidares

A Rosi, dona de um fuscão 1972 - que não é mais a Fiona que vocês já conheceram em posts anteriores e que logo, logo eu apresento aqui - indicou esse Fotolog de Fusca esses dias. Gostei das frases, copiei, colei e citei a fonte. Segue:


O prazer em andar de carro antigo não está em acelerar a mais de 200km/h, e sim guiar o automóvel antigo e relaxar apreciando a natureza ouvindo o poh-poh-poh ... poh-poh-poh.

O teu carro novo daqui há dez anos será um carro velho, e meu carro antigo continuará a ser um clássico.

Um carro novo, qualquer um pode comprar, basta ter dinheiro. Para comprar um carro antigo é necessário ter amizades, conhecimento e outras coisas que o dinheiro não compra.

Uma carro antigo não se vende, se transfere o privilégio de possuí-lo a um amigo.

Quando te perguntam na rua qual é o valor do seu carro: "Carro antigo não tem preço porque não existe para vender: quem achou um tem, quem não tem fica só olhando"

O carro antigo diz para seu dono:
Não corra,
Deixe ele passar,
Não tenha pressa,
Relaxe e aproveite.

Carros antigos, uma paixão sem limite de idade.

Carro antigo é cultura.
O carro clássico não é um carro vulgar, ele é algo especial. Especial, não só para o seu dono; por onde ele passa é logo notado. Estacionados lado a lado apaga o moderno. Quem o conduz volta aos velhos e bons tempos. Quando os modernos o cruzam em altas rotações, mal percebem o alegre compasso de seu pulsante motor.

Talvez os clássicos nos dêem o pequeno gosto da poesia que o mundo esqueceu de dar à vida.
E poucos privilegiados tem o prazer de pilotar.

O Carro Antigo exige atenção, disciplina, amor e carinho; quanto mais antigo, mais ele precisa de sua atenção, sua disciplina, seu amor e carinho, e a retribuição vem naturalmente.

Possuir um carro antigo realiza no presente um sonho do passado.

A beleza do carro antigo, é a história que nele está inserida.

Viva a vida ao máximo, mas aproveite com cuidado pois sua vida é tão rara como seu carro antigo.

As pessoas costumam confundir o velho com o antigo. O primeiro não exige nenhum esforço para obtê-lo, apenas devemos deixar o tempo agir de forma predominante e covarde; enquanto o segundo exige de nós o máximo de carinho, respeito e amor tornando-o tão único e especial o qual podemos chamá-lo de clássico.

Deixa que os novos passem, passem a voar. Devagar eu vou chegar e com meu antigo vou abafar.

Quem possui um carro antigo, possui também um pedaço da história.

Quanto mais velho eu fico mais rápido eu era.

Carro antigo não anda nem voa, carro antigo desfila.

Se um carro antigo é mais lento, não importa. Em cima dele você tem o privilégio de não precisar ter pressa.

Andar de carro antigo, é sentir estar no passado, mas curtindo o presente.

O deles vrummmmmmmmmmmmm........ O meu tuh tuh tuh .......